Você, efetivamente economiza ÁGUA?

Mesmo com ciência da gravidade da situação, algumas pessoas (leia-se milhões) continuar a desperdiçar água de forma criminosa. Crime contra a natureza, com o próximo, contra si mesmo, sem falar nas gerações futuras – se é que teremos gerações das gerações, pois do jeito que a coisa vai...

A Terra tem cerca de dois terços de água. Mas perai! Com toda esta quantidade não deveria ter água sobrando para a população? Como assim citar crise da água?

Explico. Eis os fatos: 97% da água do planeta são água do mar, imprópria para ser bebida ou aproveitada em processos industriais (se bem que alguns processos já podem ser feitos com a dessalinização); 1,75% é gelo; 1,24% está em rios subterrâneos, escondidos no interior do planeta. Para o consumo de mais de seis bilhões de pessoas está disponível apenas 0,007% do total de água da Terra. Ai, é que está o problema!

Somado a isto, ainda tem o despejo de lixo e esgoto sanitário nos rios, as indústrias que prejudicam manciais, etc, etc, etc. A pouca água que existe fica ainda mais comprometida e exige conscientização para que se evite o desperdício e a poluição, principalmente nas grandes cidades.

Com o objetivo de chamar a atenção para a questão da escassez da água e, conseqüentemente, buscar soluções para o problema, a Organização das Nações Unidas (ONU) instituiu em 1992 o Dia Mundial da Água: 22 de março. Por conta disso, a ONU também elaborou um documento intitulado "Declaração Universal dos Direitos da Água", que trata desse líquido como a seiva do nosso planeta.

Encontrei um artigo muito interessante sobre a "Origem, Distribuição e Preservação da Água no Planeta Terra", disponível na Revista das Águas, que vale a pena uma leitura para ficarmos inteirados do quadro da disponibilidade hídrica mundial. O material foi publicado por Jorge Gomes do Cravo Barros, assessor em Geologia da 4ª Câmara de Meio Ambiente e Patrimônio Cultural do Ministério Público Federal (MPF).

Chegar em casa depois de um dia exaustivo de atividades e encontrar água no chuveiro para um bom banho, para beber, para preparar os alimentos é tão bom... Para continuarmos a ter este recurso no conforto do lar, faz necessário assumir o papel de cidadão e economizar! Usar, mas com consciência, lembrando inclusive que muitos não tem acesso ao simples ritual de abrir uma torneira e ver ali, na sua frente, sair um líquido mais que precioso, um líquido que é vida. Clichê, mas não custa lembrar, "Terra, 'o nosso' planeta água". Cuide do que é seu.

Até a próxima!

Um comentário:

Ivanildo disse...

Infelizmente ainda existem pessoas q ñ estar nem ai para este grande problema, eaquecendo q seus filhos e netos, ñ poderam sobreviver na escassez de água!!!